quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Defenda-se!



Ao contrário do que prega a sociedade contemporânea, o mal existe e se existe o mal, o diabo seu pai, o seu príncipe também existe.

Como sabemos, embora tenha perdido a Graça de Deus, e muito do seu poder, ele ainda é muito poderoso e infinitamente mais poderoso do que qualquer ser humano, sendo capaz de dobrar a vontade de qualquer pessoa que esteja desprotegida.

O inimigo sempre começa por algo simples, quase imperceptível, como já vimos em postagens anteriores. A eficácia da oração e a invocação aos anjos, depende da força da nossa fé, que depende da nossa saúde espiritual, embora todos os batizados possuam um selo de proteção durante o batismo, que guarda a nossa alma, pois sabemos que é nossa alma que o demônio deseja consumir.

Lembremos que o Sacrifício de Jesus, venceu definitivamente o inimigo, e Ele é a fonte de todo o bem e de toda a graça, e é através de Seu poder que São Miguel Arcanjo vence o inimigo, e é com este poder de vencer o mal, presente na água, no sal e no óleo abençoados (bentos) que podemos contar quando estamos em um momento de fragilidade espiritual. Mas como utilizar estas armas tão poderosas?



A água benta relembra as águas do batismo que nos purificam do pecado original, ela nos concede a defesa contra as armadilhas do inimigo e a proteção divina. Pode ser bebida, aspergida sobre pessoas, objetos e em ambientes residenciais ou comerciais. Não é a quantidade, mas sim a bênção contida na água que protege contra o mal, portanto, bastam algumas gotas para que faça efeito.

Usos: Aspergir sobre os ambientes (paredes, portas e janelas), aspergir sobre as pessoas (de preferência sobre a cabeça), aspergir sobre a cama, travesseiro, mesa de trabalho, roupas, pode ser bebida com remédios para aliviar os efeitos negativos e potencializar os efeitos curativos.



O sal bento é outra arma de proteção poderosa, embora também possuía a propriedade purificar os ambientes, diferente da água benta que possui um uso mais amplo, o sal tem a característica principal de proteger os ambientes.

Uso: colocar pequenas porções sobre portas, janelas e nos quatro cantos dos ambientes, também pode ser utilizado no preparo de refeições.



O óleo bento assim como o sal, possui um uso mais direcionado, como podemos ver em várias passagens da bíblia ele é utilizado na unção de pessoas, tanto para a cura, quanto para a proteção, preferencialmente e de acordo com a tradição, deve ser utilizado óleo (azeite) de oliva.
A unção consiste em mergulhar a ponta de um dos dedos no azeite e traçar um pequeno sinal da cruz sobre a pele da pessoa que necessita de cura, de proteção ou dos dois.

Uso: para proteção, ungir a testa, nuca e peito, para cura ungir a região ferida ou enferma, a unção pode ser realizada em qualquer horário do dia, recomenda-se a unção antes de dormir.

Utilizando estas poderosas armas, enfraquecemos o poder do inimigo sobre nós, nossas casas, famílias, amigos e ficamos mais próximos da graça de Deus!


Quem como Deus?




























sábado, 3 de setembro de 2016

Obrigado!


Prezados bom dia! Entramos no mês de São Miguel Arcanjo, 
e para comemorar estamos preparando algumas surpresas! 
Aproveitamos para agradecer os mais de 60.000 acessos em nosso blog!
 Quem como Deus?

segunda-feira, 27 de junho de 2016

O mal invisível


Todos sabemos que o diabo e seus anjos, não cessam de procurar maneiras de destruir a vida dos seres humanos, não com a morte física, mas com a morte da alma. Deste modo ele afeta não só a pessoa que é alvo de suas ações, mas também todos os que estão à sua volta e a Deus, Pai que ama a todos os seus filhos.

Lúcifer quando foi derrotado por São Miguel Arcanjo, perdeu a graça de Deus e muitos de seus poderes mas foram conservados muitos outros. Sendo ainda muito poderoso, inteligente e conhecendo o ser humano, ele sempre se infiltra em nossas vidas disfarçado de algo aparentemente bom, sempre através do prazer, pois sabe que repulsamos imediatamente tudo o que nos desagrada, deste modo, nunca aparecerá como realmente é, um espírito maligno, corrompido pelo mal que brota de seu coração e imerso nas trevas, pelo contrário, sempre aparecerá transfigurado em anjo de luz.

E ele pode utilizar absolutamente tudo, transforma os prazeres mais naturais, como comer e beber, em vícios e desiquilíbrios das mais diferentes naturezas, aparece como um amigo com bons conselhos, falando de liberdade, nos conduzindo a aventuras que no fim, se mostram um caminho que nos conduz ao abismo, até o amor mais puro, pode ser transformado em apego, ciúme, assombrado pelo medo da perda e o destruindo.

A natureza dos anjos, tanto os da luz, quanto os das trevas é superior à dos seres humanos, nossa parte nesta batalha pela nossa alma, é nos mantermos sempre vigilantes, praticando e focados no bem, na luz, atentos e confiantes no poder divino, aos anjos cabe a outra parte da batalha, que é a de nos proteger e expulsar os demônios de nossa presença, pois às vezes eles entram em nossas vidas à força, como uma tempestade e não existe nem existirá homem capaz de resistir a eles com suas próprias forças.

E Deus nos deu o maior entre todos os guerreiros, São Miguel Arcanjo, que com o poder de sua espada desfaz todo o mal!

Quem como Deus?

sexta-feira, 27 de maio de 2016